Arquivo da categoria: NERD

Google…google… ei ai!

Vá ao google translator, traduza do japonês p/ o inglês, e clique em ouvir:
ノーッサノーッサアッシンボッセメマーッタ!アーイセエーウテーペゴ!アーイ、アーイセエーウテーペゴ

Novo Visual do Youtube! Saiba como ATIVAR!

Olá pessoa, quem acessa o Youtube com bastante frequência, notou por um tempo… talvez 1 dia ou algumas horas
a mudança do visual de forma rápida, e depois retornar ao normal, que já estamos acostumados!

Mas não pense você que estava ficando louco, pensando que viu algo diferente, realmente o youtube está com
novo visual, mas como todos sabem tudo que vem do GOOGLE não vem para todos de imediato…
isso vem aos poucos…

Mas para quem não tem paciência para esperar isso acontecer, pode ter o visual agora mesmo…
vou deixar a imagem do meu “youtube” de como é o visual novo…

no Baixaki tem o tutorial de como fazer… vou deixar aqui pra vocês…

“No começo de novembro, a Google realizou alguns testes com o novo visual do YouTube, que deve chegar a todos os usuários do site de forma progressiva. Porém, se você é daqueles que não consegue esperar para conferir a novidade, basta seguir as dicas fornecidas pelo site The Verve para modificar imediatamente a aparência do serviço de vídeos:

  1. Acesse o YouTube e abra o console de desenvolvedor do navegador apertando “Ctrl/Cmd + Shift + K” no Firefox ou “Ctrl + Shift + J” no Google Chrome. Em sistemas Mac, ainda no Google Chrome, a combinação é “Cmd + Alt + J”
  2. Digite (ou copie e cole) o seguinte código:                                                                     document.cookie=”VISITOR_INFO1_LIVE=ST1Ti53r4fU”;
  3. Feche o console de desenvolvedor e recarregue a página do YouTube para conferir o novo visual preparado pela Google
  4. Não é preciso se preocupar com o conteúdo do código criado, pois tudo o que ele faz é criar um cookie responsável por “enganar” o YouTube e entregar o novo visual antes da data programada pela Google. Vale notar que, devido a um motivo desconhecido, o método não funciona para todos os usuários – portanto, certifique-se de apagar todos os cookies do navegador utilizado antes de tentá-lo.

 

Mulheres que jogam games fazem mais sexo, diz estudo.

NOSSA COMO EU ADOREIIII ESSA NOTÍCIA, SENHOR OBRIGADO!
É elas SENTAM no JOYSTICK!

Mulheres que jogam games on-line fazem mais sexo do que as que não jogam, diz estudo feito pela Harris Interactive a pedido da Gamehouse.

Das jogadoras, 57% fazem sexo e 38% têm relações sexuais pelo menos uma vez na semana. O percentual cai para 52% e 34%, respectivamente, para as mulheres que não jogam.

A pesquisa ainda diz que, das mulheres que jogam games on-line:

  • 42% socializam pessoalmente pelo menos uma vez por dia (entre as que não jogam, esse percentual é de 31%);
  • 86% socializam em redes sociais (entre as que não jogam, esse percentual é de 71%);
  • 38% praticam esportes ou exercícios (entre as que não jogam, esse percentual é de 34%);
  • 36% têm entre 18 e 34 anos, e 23% têm 55 anos ou mais;
  • 64% estão em um relacionamento sério;
  • 61% jogam para aliviar o estresse;
  • 58% jogam para diminuir o tédio.

Segundo o estudo, as mulheres são maioria no mundo dos jogos on-line –55%, contra 45% de homens. A pesquisa foi realizada com mais de 2.000 pessoas, apenas nos Estados Unidos, durante o mês de outubro. O site Cnet publicou um gráfico com mais dados da pesquisa.

Google Music traz catálogo com 8 milhões de músicas

Alguém tinha “ouvido” falar do Google Music?

segue ae a notícia…

“O serviço online de música de uma das maiores empresas da internet, enfim, está no ar. Ainda em sua versão gratuita e de testes, o Google Music traz parcerias com grandes estúdios e selos independentes, chegando ao mercado já como principal concorrente do iTunes, da Apple. Nele, os usuários poderão ouvir, guardar e até compartilhar suas canções favoritas.

O Music foi lançado nesta quarta-feira (16) com um catálogo de mais de 8 milhões de faixas, mas a ideia é elevar este número para 13 milhões nos próximos meses. Tudo isso graças aos acordos fechados com três grandes gravadoras, EMI, Universal e Sony Music. A ideia é fazer dele uma espécie de “iTunes do Android”. Os principais atrativos do serviço, no entanto, vão além do simples fato de se poder ouvir música via streaming.

A possibilidade de armazenamento do seu próprio conteúdo na nuvem do Music é um dos destaques. Os usuários que criarem uma conta no serviço poderão hospedar até 20 mil faixas em seus perfis, e ouvi-las em qualquer navegador ou dispositivo com o sistema operacional Android instalado, por meio do aplicativo oficial. Os usuários poderão fazer o upload de qualquer canção para o servidor, independentemente dela ter sido comprada no Music ou não.

De início, o serviço está totalmente gratuito, e até mesmo as músicas podem ser baixadas sem nenhum custo adicional. Posteriormente, é claro, todas as canções serão vendidas por meio do Android Market, e receberão o seu determinado valor. Para todo o acervo, porém, será possível ouvir 90 segundos de cada música sem gastar nenhum centavo sequer.

Os artistas independentes e com sede de mostrar seu talento também terão uma chance no Google Music. Além das grandes gravadoras, quem ainda estiver iniciando sua trajetória artística pode pagar uma taxa única de 25 dólares anuais para publicar seus materiais no site. A cada venda de música efetuada, 30% vai para o Google, e os outros 70% para o cantor.

•Sem previsão para chegar ao Brasil•

Outro ponto positivo a favor do Music é a integração com o Plus, a rede social do Google, que também pode se beneficiar bastante deste serviço. Os usuários do Google Music poderão compartilhar informações sobre o que estão ouvindo na página e, com isso, seus amigos também poderão ouvir a mesma música, uma vez, e de graça. Além disso, o site vai sugerir, baseado no seu gosto musical, outras canções que você possa gostar.

Em versão de testes para um grupo fechado desde fevereiro, o serviço agora está aberto ao público em geral. A má notícia é que, por enquanto, ele só está disponível nos Estados Unidos – já que os contratos com as gravadoras foram firmados somente para o país. Ainda não há previsão de quando o serviço vai romper fronteiras e chegar em outros países.

Confira abaixo o vídeo de apresentação do Music:

Fonte: TechTudo

Qual o seu estilo de risada?

Sempre no DESKTOP? sei…

O QUE FOI #MÃE/PAI?
eu gost do meu background, não posso? AFF =D
#UASHAUHSUAHSUA AHAM… SENTA LÁ!

Consoles (video-games), que tesão!

#SENHOR!
AUSHAUSHUASHUAHSU

Faz seu nome FILHÃO!

HAHAHA adoro!

Técnica utiliza supercondutores…

HÁAA Pé no Saco, também é cultura e informação! =D

Técnica utiliza supercondutores aliados a cristais de safira e nitrogênio líquido para promover sua levitação.

O magnetismo é uma propriedade física formidável. Apesar de não ser vista, ela está se tornando cada vez mais importante no dia a dia das grandes cidades. Além de estar presente em aparelhos eletrônicos, ela sustenta meios de transporte de grande porte, como metrôs. Um grupo de pesquisadores da Escola de Física e Astronomia da Universidade de Tel-Aviv desenvolveu um método de supercondutividade extraordinário, com base na levitação quântica.

O experimento consiste na utilização de camadas extremamente finas de cristais de safira revestidas por um supercondutor e películas de ouro. Esse conjunto de materiais é envolto em um plástico resistente e mergulhado em nitrogênio líquido. Como você pode observar no vídeo acima, o disco fica preso no ar, sem qualquer trepidação.

Com a mão, o expositor mostra que a peça pode ter sua posição ajustada até mesmo em ângulos bem acentuados. Isso acontece porque o campo magnético penetra no supercondutor na forma de fluxo de tubos quânticos, que aderem no objeto seguindo sua estrutura – como se fossem colocadas amarras invisíveis em torno do disco.

Criando uma trilha que possua magnetismo contínuo, por não ter qualquer tipo de fricção, o supercondutor é capaz de movimentar seguindo esse fluxo estabelecido. O mais incrível é que essa atração magnética é tão forte que mesmo quando utilizada de ponta cabeça, o supercondutor não perde sua ligação com a trilha magnética.

A técnica poderá ser utilizada principalmente para aprimorar tecnologias de transporte. O estudo foi apresentado na conferência Association of Science Technology Centers Conference (ASTC) 2011.

Via TECMUNDO

trollando seu amigo ‘-‘

Legenda para o que esse #SER estava vendo/ouvindo no seu computador
2 Gays e 1 Travesti Video  [XXX] –


CLIQUE PARA VER “MAIS GRANDE”
AUSHAUS –‘

Mikael ‘-‘ é brincadeira relaxa ae!
Se você quer TROLLAR seu:
amigo/amiga/namorada/namorado/amante/pai/mãe/tia/tio/vô/vó/irmão
/irmã/primo/prima/esposa/marido/vizinho/inimigo/professor/chefe/e etc…
VEJA COMO É FÁCIL! É MAIS FÁCIL DO QUE… DO QUE… AH F@#!-SE!

personagens #velhinhos

mtooo legal isso #TECMUNDO

%d blogueiros gostam disto: